3ª Edição online do Festival Fica em Casa chega na reta final


3ª Edição online do Festival Fica em Casa chega na reta final

Os primeiros dias já foram um sucesso, tanto na qualidade das transmissões, quanto das atrações e de audiência, com gente de todo o DF e de outras regiões do país que vem acompanhando as apresentações.

Longevo, com 20 anos de realizações, o Fica em Casa saiu na frente ao promover o primeiro festival brasiliense totalmente online, ainda no início do confinamento imposto pela pandemia de Covid-19. “Desde esta primeira edição virtual, aprendemos muito e, com isso, ganhamos em qualidade tanto de produção quanto da performance das atrações diante das câmeras”, avalia Edivaldo J., um dos produtores do Festival.

Ao longo dos meses de pré-produção até chegar à realização, toda a equipe que promove o festival se esforçou em ajustar as falhas identificadas nas duas adições anteriores. “Aprendemos muito e isso tem se refletido em melhorias”, considera Edivaldo. Som, imagem e iluminação, além do aprimoramento técnico para transmissões, como o uso inteligente das ferramentas das plataformas de transmissão, estão entre os pontos que ganharam refinamento.

Cabe destacar a intimidade que os e as artistas ganharam com as câmeras, “eles e elas estão muito mais à vontade, olham para as lentes das câmeras como se estivessem diante do público presente e isso faz uma boa diferença para quem está do outro lado, os espectadores”, comenta o produtor.

Nesta reta final do 3º FICA em Casa online, o festival traz uma variedade de sons com as participações, dentre muitas outras, de Os Cachorros das Cachorras, com suas composições próprias encorpadas por um naipe de metais, o bom samba refinado de Marcelo Café e do rapper premiado Mano Dáblio.

Nas artes cênicas, Ruth Guimarães e Fátima Lacerda ganham as telas com “Memórias com prazer e resistência”, que aborda com maestria sabores e dissabores da velhice. E tem ainda “A Feminista”, com Alessandra Vieira.

Os espectadores também poderão acompanhar performance com Corpus Entre Mundos, apresentação de malabares, lira e de acrobacias com o Circo Vitória, além de oficinas e sessão de cinema.

Pela importância e tamanho do Festival, que nasceu no Guará da união de produtores, produtoras, técnicos, técnicas e artistas locais, o evento abre as comemorações de aniversário de 53 anos da Região Administrativa. A data é celebrada dia 5 de maio.

Serviço:

FICA : Festival de Incentivo à Cultura e Arte, 20 Anos

Programação: www.ficafestival.com.br

Transmissão: www.youtube.com/c/FICAfestivalGuara

Realização: até 1º de maio de 2022

Nas redes: Instagram: @ficaemcasafestival; e Facebook: @ficafestivalculturaearte

Classificação indicativa: Livre para todos os públicos

Informações: ficafestivalcontato@gmail.com