top of page

Artistas do Rio de Janeiro participam da mostra Dos Brasis – Arte e Pensamento Negro

O estado do Rio de Janeiro está representado por 40 artistas na exposição Dos Brasis – Arte e Pensamento Negro, a mais abrangente mostra dedicada exclusivamente à produção de artistas negros já realizada no país. Com abertura agendada para o dia 3 de maio, no Centro Cultural Sesc Quitandinha, em Petrópolis (RJ), a mostra parte da premissa de dar luz à centralidade do pensamento negro no campo das artes visuais brasileiras, em diferentes tempos e lugares.

 

Com curadoria assinada por Igor Simões, em parceria com Lorraine Mendes e Marcelo Campos, Dos Brasis – Arte e Pensamento Negro apresentará ao público obras de cerca de 240 artistas negros de todos os Estados do Brasil, em diversas linguagens como pintura, fotografia, escultura, instalações e videoinstalações, produzidos entre o fim do século XVIII até o século XXI.

 

O projeto Dos Brasis lançou um olhar aprofundado sobre a produção artística afro-brasileira e sua presença na construção da história da arte no Brasil. Um trabalho que contou com nossos analistas de cultura em todo o país, em um grande alinhamento nacional. A exposição Dos Brasis – Arte e Pensamento Negro é a culminância desse processo e oferece ao público não só a oportunidade de conhecer a obra de artistas e intelectuais negros, com também de refletir sobre sua participação nos diversos contextos sociais”, explica o Diretor-Geral do Departamento Nacional do Sesc, José Carlos Cirilo.

 

Trajetória - A ideia nasceu em 2018, um projeto de pesquisa fruto do desejo institucional do Sesc em conhecer, dar visibilidade e promover a produção afro-brasileira. Para sua realização, foram convidados os curadores Hélio Menezes e Igor Simões. Em 2022, o projeto passa a ter a curadoria geral de Simões com os curadores adjuntos Marcelo Campos e Lorraine Mendes. A equipe curatorial pesquisou obras e documentos em ateliês, portfólios e coleções públicas e particulares, para oferecer ao público a oportunidade de conhecer um recorte da história da arte produzida pela população negra do Brasil e entender a centralidade do pensamento negro na arte brasileira.

 

Representam o estado: Aline Motta, Antonio Rafael Pinto Bandeira, Arthur Timótheo da Costa, Lucia Laguna, Tadáskía, Mariana Rocha, Caio Luiz, Chico Tabibuia, Adilsa Conceição Martins, Ismael Alves Conceição e Nelba Brasilicia (Quilombo do Campinho), Heitor dos Prazeres, Estevão Silva, Edval Ramosa, Seu Valentim Conceição, Cipriano, Agrade Camiz, Andre Vargas, Arjan Martins, Diambe da Silva, Gugie Cavalcanti , Ismael David, JOTA, Lorran Dias, Matheus Marques Abu, Miguel Afa, Odaraya Mello, Pandro Nobã, Panmela Castro, Rafael Simba, Renata Sampaio, Rona, Sérgio Vidal, Viória Cribb, Walla Capelobo, Wallace Pato, Walter Firmo, Yhuri Cruz, Jade Maria Zimbra, Mulambö.

 

Lista completa dos participantes em www.sesc.com.br/dosbrasis.

Serviço:   

  

DOS BRASIS – ARTE E PENSAMENTO NEGRO

 

Site do projeto

Abertura: 3 de maio de 2024 

Período expositivo: 4 de maio de 2024 a 27 de outubro de 2024 Horário de funcionamento:  Terça a domingo e feriados, das 10h às 17h.


Posts Relacionados

Ver tudo

World Wine inaugura novo endereço em Brasília-DF

A World Wine, uma das maiores referências na curadoria de experiências no mundo do vinho no Brasil, está prestes a inaugurar o novo endereço para sua loja de Brasília no próximo dia 07 de junho. Com u

Comments


bottom of page