top of page

Centro Cultural Grito de Liberdade promove o 1º Festival Cultural de Capoeira


O Centro Cultural e Social Grito de Liberdade - Mestre Cobra realiza, no dia 20 de novembro, celebrando o Dia da Consciência Negra, o segundo encontro do 1º Festival Cultural de Capoeira, a partir das 17h30, no Núcleo Bandeirante, com entrada gratuita.

Será um dia dedicado às tradições afro ligadas à capoeira, em parceria com o Festival África Aqui. O Grito de Liberdade terá oportunidade de compartilhar com a comunidade os ensinamentos e trocas promovidos no primeiro encontro do Festival Cultural de Capoeira para apresentar na programação as atividades de Samba de Roda, Dança do Fogo e as rodas de capoeira Angola e Regional.

A primeira etapa do festival aconteceu no dia 28 de outubro, no Riacho Fundo, com encontro de Capoeira Regional e Capoeira Angola, com mestres de do DF e de outros estados. Mestre Kall (DF) e Mestre Meinha (SP) realizaram oficinas de capoeira, Mestre Tucano da Maré (MG), promoveu oficina de canto. O encontro contou ainda com danças: Puxada de Rede, Coco de Zambê, Dança do Bastão e Maculelê, ação social com distribuição de brinquedos e apresentação do espetáculo Quilombos da Liberdade Ancestralidade.

“Seguimos na nossa missão de oferecer uma imersão nas raízes afro-brasileiras contidas na Capoeira, de forma a valorizar o patrimônio cultural nacional, além de dar uma perspectiva de mudança de vida para os jovens participantes”, comenta Mestre Cobra, idealizador do projeto e fundador do Centro Cultural e Social Grito de Liberdade.

O Centro Cultural e Social Grito de Liberdade-Mestre Cobra foi fundado em 2005 e há 18 anos realiza atividades assistenciais continuadas e ações de mobilização da comunidade, sempre se valendo da capoeira, com o intuito de promover a justiça social e a cidadania. Roberto de Oliveira França, o Mestre Cobra, se dedica ao trabalho social no Distrito Federal desde 1994. A ideia é preencher um espaço de carência esportiva, cultural, artística e de entretenimento que há em áreas de vulnerabilidade social no DF.

Serviço

1º Festival Cultural de Capoeira

Dia 20 de novembro

Das 17h30 às 22h30

Acesso Livre

No auditório Garcia Neto – em frente à administração do Núcleo Bandeirante

bottom of page