top of page

Games, jogos de tabuleiros, laboratórios de ciências e aplicativos digitais fortalecem aprendizado nas escolas


Games educativos, aplicativos regionalizados, laboratórios móveis de robótica e ciências, além de programas digitais, aumentam a curiosidade e a atenção dos alunos, deixando as aulas mais interessantes e prazerosas.

De acordo com um estudo publicado no International Journal of Human-Computer Interaction (Morschheuser et al., 2018) as plataformas de aprendizagem gamificadas mantiveram um grande envolvimento dos usuários durante um longo período. Segundo a pesquisa, os alunos que utilizaram games em sua jornada de aprendizado aumentaram em quase 90% o desempenho se comparados aos que receberam apenas estudo teórico.

Com mais de nove anos de atuação, a Innyx, edtech que atua para transformar o ensino dentro da sala de aula, deixando-o mais interativo e com fácil aprendizagem, vem se destacando pelos produtos educacionais que cria e estão colaborando para evitar a evasão escolar, e a falta de estímulo na sala de aula.

Entre suas iniciativas, há games educativos e que ensinam os alunos de forma divertida e interativa, além de usar elementos da região onde fica a escola. A gamificação troca textos e palestras por elementos como a criação de competições, a conquista de níveis ou pontos, a resolução de desafios e a atribuição de recompensas. Outro diferencial é que os jogos ajudam a assimilar o conteúdo, tornando o ensino mais efetivo e permanente.

A empresa também ganhou destaque nacional ao lançar laboratórios móveis, que são práticos para transportar e ocupam pouco espaço. Há o Maker Zone, laboratório que incentiva a cultura maker, com impressora 3D e ensinamentos de robótica. O outro laboratório se chama “Caminhos da Ciência” e possui reagentes químicos, uma miniatura do corpo humano, microscópio, acessórios para fazer experimentos químicos na prática, entre outros.

Ambos os laboratórios possuem também um programa digital, com o que há de mais avançado no ensino e que pode ser acessado pelo celular, sem precisar de internet de grande alcance.

Por trás da Innyx, que tem sede no Amazonas e São Paulo, está o fundador Adler Ismerim. Segundo ele, as soluções tecnológicas da empresa já impactaram mais de dois milhões de pessoas em diversas escolas do Brasil.

“O nosso principal legado e propósito é levar a educação da melhor forma, e fazer com que o aluno se engaje e participe cada vez mais do ensino. A gente usa a tecnologia para fazer esse engajamento e facilitar ainda mais a vida do aluno, fazendo com que ele fique mais tempo dentro da escola. Principalmente, para que ele tenha um estímulo para estudar e transformar a vida dele, porque só a educação que transforma”, comenta Adler.

O fundador da Innyx defende ainda que mais escolas se modernizem, oferecendo um ensino mais tecnológico e interativo. Seja pública ou privada. Para as escolas com dificuldade de acesso à internet, a empresa indica o programa ‘Desplugados’, que são jogos educativos de tabuleiros, como inovação para dentro da sala de aula. “Os jogos trazem o aluno cada vez mais para a aprendizagem. São elementos que vão estimular e propiciar ao aluno a aprender cada vez mais e melhor”, declara.


留言


bottom of page