top of page

Justiça de SP condena restaurante em caso de descriminação com casal de influenciadores liberais

Bella Matovani e Vagner o Fera estão celebrando uma vitória marcante nos tribunais após enfrentarem uma situação de discriminação em um restaurante de São Paulo, em setembro de 2023.


Segundo relatos e documentos apresentados no processo judicial, o casal, conhecido por seu estilo de vida poliamoroso e sua abordagem descomplicada em relação aos relacionamentos, buscava uma parceria com um famoso restaurante de São Paulo para promover o estabelecimento em suas redes sociais. No entanto, o que deveria ser uma negociação de negócios transformou-se em um episódio de constrangimento público e humilhação.



Ao serem informados da recusa do restaurante em estabelecer a parceria, Bella e Vagner afirmam terem sido alvo de ofensas e comentários depreciativos por parte de um dos sócios da empresa. Em meio à cena constrangedora, o casal sentiu-se desrespeitado e humilhado diante dos demais clientes do local.


Bella Matovani desabafa: "Foi um momento extremamente difícil para nós. Nos sentimos atacados e envergonhados por algo que deveria ser tratado com profissionalismo e respeito". Vagner complementa: "Nós só estávamos buscando uma oportunidade de colaboração e fomos tratados como se não tivéssemos valor. Isso não é justo."



A repercussão do incidente não se limitou apenas ao restaurante. Mensagens de apoio e solidariedade inundaram as redes sociais do casal, destacando a importância de combater a discriminação em todas as formas.



A decisão judicial, proferida nos termos da Lei 9.099/95, reconheceu o dano moral causado aos autores e determinou que o restaurante indenizasse Bella Matovani e Vagner "o Fera" em R$ 20.000,00, além de correção monetária e juros de mora. Para o casal, a sentença representa não apenas uma compensação financeira, mas também um marco na luta por igualdade e respeito. Porém vale lembrar que ainda cabe um recurso.



"A justiça foi feita", declara Bella. "Esperamos que essa decisão sirva como um exemplo e incentive outras pessoas a denunciarem casos de discriminação."



Vagner, conclui: "Nós não vamos nos calar diante da injustiça. Nosso amor é legítimo e merece ser respeitado. Essa vitória é para todos que lutam por um mundo mais inclusivo e tolerante."



O casal foi representado pelo Dr. Felipe Camargo, especialista em Direito Digital.



O caso do casal Bella Matovani e Vagner o Fera certamente deixou sua marca não apenas nas redes sociais, mas também nos corações daqueles que acreditam em um futuro onde o amor e o respeito prevalecem acima de tudo. Que esta história inspire muitos outros a levantarem suas vozes contra a discriminação e a injustiça.


Comments


bottom of page