top of page

Vice-cônsul brasiliense lança ficção com bastidores da diplomacia e solidão no exterior

Representante de uma das primeiras gerações nascidas em Brasília, o vice-cônsul Wilson Alvarenga dos Santos vive em Sydney, na Austrália, como servidor público do Ministério das Relações Exteriores. Mas agora ele explora novos horizontes ao estrear como escritor com o livro Filho da Mãe e assina como João Filipe da Mata.

A obra que marca o início de sua carreira literária atravessa temas comuns à vida do próprio autor: o protagonista da trama também enfrenta os desafios da carreira diplomática, ao passo que vivencia a solidão de sempre estar em diferentes lugares do mundo e de ser um homem gay. Mas na trama ficcional, o personagem retorna ao país depois de uma perda, reconecta-se com a vida na capital federal e tenta compreender os próprios sentimentos, apesar da dificuldade em se expressar.

Clique aqui e saiba mais sobre o livro "Filho da Mãe"


Comments


bottom of page