top of page

Pão de Açúcar aposta no self-checkout para reduzir tempo em fila

Os caixas que permitem ao próprio cliente registrar seus produtos e realizar o pagamento, denominados self-checkouts, vêm conquistando a preferência do consumidor. Atualmente, 96% do parque de lojas do Pão de Açúcar contam com esse modelo de autoatendimento.

 

A rede tem apostado fortemente nessa modalidade em vista do retorno positivo já constatado, especialmente pela redução do tempo de espera na fila. Com isso, há aumento de produtividade e impacto positivo na satisfação dos clientes.

 

O GPA, controlador do Pão de Açúcar, tem investido no modelo há alguns anos e, em 2022, iniciou a instalação desses equipamentos em larga escala. Nas lojas da rede que contam com o serviço, em média 33% dos clientes utilizam os self-checkouts. No Distrito Federal e nos estados de Goiás e Mato Grosso do Sul, 94% das unidades do Pão de Açúcar já contam com esses terminais e 35% dos clientes dessas praças utilizam os self-checkouts.

 

“A ideia do self-checkout está muito ligada ao aprimoramento da experiência do cliente e a percepção por meio de pesquisas, que sempre apontam as filas como um gargalo no atendimento. É uma forma de aliviar o fluxo e agilizar o processo final no mercado, já que o ideal é que o cliente passe mais tempo escolhendo o que deseja do que na fila para fazer o pagamento”, destaca Robledo Castro, Diretor de Tecnologia e Inovação do GPA.

 

Com base na boa receptividade dos clientes, o GPA oferece, em São Paulo, a unidade do Minuto Pão de Açúcar com 100% dos caixas self-checkouts. A loja conta com dois caixas reversíveis, possibilitando o atendimento de um funcionário, caso o cliente prefira. O retorno é tão positivo que todas as novas lojas da bandeira Minuto Pão de Açúcar seguem o mesmo modelo, com a priorização dos self-checkouts.

 

Nas unidades em que há o serviço de Rotisserie, no qual é possível fazer refeições no local, há também totens que funcionam como caixas específicos para esses produtos, cujos consumidores não precisam do auxílio de funcionários.

 


Comments


bottom of page