top of page

Brilho, cores e... cuidado! Dermatologista alerta sobre maquiagem em crianças durante o Carnaval

Não é novidade que crianças e adolescentes tendem a reproduzir comportamentos dos mais velhos e, enquanto o Carnaval pinta as ruas com alegria e folia, os pequenos mergulham na festa com fantasias coloridas e, é claro, uma pitada de maquiagem para deixar tudo ainda mais animado. No entanto, por trás da festança, existe um mundo de preocupações sobre a segurança dos produtos de maquiagem feitos especialmente para esses foliões.

Na hora de se fantasiar, muitas crianças gostam de pintar o rosto com tinta e glitter e até passar spray colorido no cabelo. Entretanto, segundo informações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, as maquiagens infantis apenas podem ser usadas a partir dos três anos de idade, desde que aplicadas por adultos.

De acordo com a dermatologista Paula Luz, as crianças apresentam uma pele mais fina, especialmente no rosto, e que tem menos condições de formar uma barreira contra agentes externos. Por isso, é necessário tomar cuidados em relação aos produtos utilizados. "A primeira coisa que as mães precisam considerar é que a maquiagem usada pela criança deve ser especificamente para ela. Os produtos destinados a adultos podem ser muito potentes para a pele sensível da criança, causando alergias ou até mesmo irritação", explica a dermatologista.

Além disso, as mães devem sempre usar produtos livres de óleos e parabenos para garantir que os poros da pele da criança não sejam bloqueados. Esses produtos também devem ser testados dermatologicamente para evitar reações alérgicas. 

Outro ponto que merece atenção está relacionado aos disruptores endócrinos: substâncias químicas capazes de interferir no sistema endócrino humano, que regula a produção, liberação, transporte, metabolismo, ação e eliminação de hormônios no corpo. “Essas substâncias, encontradas em uma variedade de produtos químicos industriais, como plásticos, produtos de cuidados pessoais, alimentos, entre outros, têm a capacidade de causar alterações no desenvolvimento e reprodução, disfunções do sistema imunológico, distúrbios metabólicos e desregulação do crescimento e desenvolvimento neural. Por isso, há uma grande preocupação por parte dos profissionais de saúde quando se trata da exposição de crianças a esses elementos", afirma Paula.

Por isso, a dermatologista destaca que é muito importante adquirir maquiagem infantil em lugares regulamentados, pois assim é mais fácil ter uma garantia da composição do produto e evitar a contaminação, desde metais pesados até bactérias. Dessa forma, é de extrema importância que os pais se atentem aos rótulos com as características da maquiagem infantil, que normalmente são: produtos que passaram por testes de segurança, como de toxicidade, fotoirritação, compatibilidade cutânea e ausência de potencial alergênico; e baixo poder de fixação.

Com a maquiagem infantil adequada não há a necessidade que seja utilizado nada mais do que água e sabonete infantil para limpar a pele da criança. O ideal é lavar o rosto com movimentos suaves, e se houver a necessidade, pode ser utilizado lenço umedecido infantil ou creme corporal infantil. Não é indicado usar outros produtos como tônicos e demaquilantes. "Crianças podem usar maquiagens infantis registradas pela Anvisa. É sempre bom procurar pelo selo de aprovação da agência e a faixa etária indicada no rótulo do produto. Aproveito para deixar um alerta, maquiagens que acompanham bonecas e outros brinquedos não são próprias para o uso de crianças", conta.

Vale lembrar que a maquiagem de adultos não deve ser usada em crianças, pois o uso precoce aumenta a chance de desenvolver dermatite de contato, acne, fotossensibilidade e intoxicações pela absorção cutânea. Cosméticos, que contenham ftalatos, parabenos e fenóis atuam ainda como desreguladores endócrinos, podendo provocar casos de puberdade precoce.

Ainda de acordo com a especialista, a maquiagem deve ser usada com moderação, pois aplicar muita maquiagem, além de ser prejudicial para a pele das crianças, também pode distorcer a imagem que elas têm de si mesmas.


bottom of page